Câmara do Rio suspende tramitação de ‘pacote de bondades’ de Crivella

Câmara do Rio suspende tramitação de ‘pacote de bondades’ de Crivella

A Câmara dos Vereadores do Rio suspendeu a tramitação dos projetos enviados pelo prefeito Marcelo Crivella na semana passada, como a redução do IPTU, até que sejam detalhados os impactos das medidas nas contas do município.

Só o cancelamento de multas aplicadas ao comércio por descumprimento de medidas de combate à Covid-19 seguirá a tramitação normal na Câmara. No entanto, pela proposta, os comerciantes que tenham pago as multas ou estejam em dia com as taxas, não terão direito a ressarcimento.

Lembrando que, em 2017, o prefeito aumentou o IPTU sem ouvir as entidades representativas do comércio de bens e de serviços, que alertaram para as dificuldades que o setor já enfrentava devido à crise econômica, o presidente do SindilojasRio e do CDLRio, Aldo Gonçalves, disse que as propostas são importantes, mas chegam tarde e são injustas com quem está em dia com as obrigações.

— De um lado é bom perdoar essas multas, mas, de outro, penaliza quem pagou. Para ser justa, as medidas (cancelamento de multas e perdão de débitos) deveriam ser estendidas a todos; a prefeitura tem que reembolsar aqueles que pagaram também, afirmou.

Leia a matéria completa em: https://extra.globo.com/noticias/camara-do-rio-suspende-tramitacao-de-pacote-de-bondades-de-crivella-24736847.html