You are currently viewing Varejo carioca gasta R$ 300 milhões com segurança

Varejo carioca gasta R$ 300 milhões com segurança

O Clube de Diretores Lojistas e o Sindicato dos Lojistas do Comércio do Município do Rio de Janeiro escutaram, numa pesquisa, 350 comerciantes. Acredite: dos entrevistados, 180 já tiveram seus estabelecimentos assaltados. A pesquisa concluiu que o comércio varejista carioca gastou R$ 300 milhões com segurança de janeiro a março desse ano, quase 5% a mais do que no mesmo período de 2021.

Do total dos gastos, R$ 150 milhões foram com segurança privada e vigilantes, R$ 100 milhões com equipamentos de vigilância eletrônica e R$ 50 milhões com gradeamento, blindagens, reforços de portas, de vitrines e com seguros.

Segundo Aldo Gonçalves, presidente do CDLRio e do SindilojasRio, é como se fosse mais um tributo pago pelos lojistas.

“A violência urbana na cidade do Rio de Janeiro vem prejudicando bastante o comércio, pois tem influenciado o comportamento do consumidor, que por um lado fica com medo de sair de casa, e por outro reduz seus gastos” diz.

Publicado na Coluna do Ancelmo Gois, em 09/05/2022, no jornal O Globo.